O Colégio Objetivo busca práticas inovadoras que aprimorem a aprendizagem dos alunos. Por isso, foi iniciada no último sábado (27) uma capacitação com os professores para valorizar o desenvolvimento de competências e habilidades. O treinamento, que visa transformar o método pedagógico, ocorrerá até outubro deste ano e faz parte do “Inspira”, uma campanha criada pela Instituição para incentivar os professores e mestres a repensarem a rotina em sala de aula.

O treinamento é destinado para todos os professores do Colégio Objetivo (Ensino Infantil, Ensinos Fundamental I e II e Ensino Médio), respeitando as particularidades de cada segmento, porém com o mesmo objetivo. Segundo Karina Tomelin, Head de Formação Docente e Apoio Discente da Unicesumar e responsável pelo projeto, a proposta do treinamento é capacitar os professores para que utilizem novos métodos na educação.

“Cada vez mais falamos que o perfil do aluno do século XXI vem com competências diferenciadas que vão muito além dos conteúdos. O objetivo é desenvolver essas competências na sala de aula e trabalhar também o processo avaliativo”, ressaltou Karina. Ela citou exemplos como o trabalho colaborativo em equipe, a criatividade e a resolução de problemas.

Karina explicou que o treinamento ajuda o professor a utilizar estratégias diferenciadas para valorizar cada um dos alunos. Para ela, o projeto é fundamental para que a metodologia do colégio se enquadre na proposta de uma educação de qualidade, seguindo as tendências locais, nacionais e mundiais. “É de suma importância que os professores também sejam preparados para esse momento”, apontou.

MUDANÇAS DA BNCC

De acordo com a diretora do Colégio Objetivo, Roseli Moreno, essa capacitação foi iniciada para colocar em prática as mudanças já previstas pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC) para 2020. “A ideia é deixar os professores mais seguros nesse momento de transição, pois muitas coisas ainda estão sendo definidas. Essa capacitação serve para localizar os profissionais em meio a essas mudanças”, disse.

Roseli explica que a importância de iniciar o processo é realizar as transformações da melhor forma possível. Por isso, a capacitação está servindo para que todos se preparem juntos. “Essa não é uma mudança que ocorre da noite para o dia”, disse, enfatizando que esse é o momento de mudanças estratégicas muito mais práticas do que teóricas.